Segundo Estudo a Capacidade de interconexão global chegará próximo de 5.000 Tbps!

A capacidade da interconexão deverá superar o tráfego da Internet comum tanto em crescimento médio quanto em volume em quatro anos. A previsão é do Global Interconnection Index, levantamento da companhia de interconexões e data center Equinix, divulgado nesta quarta-feira, 16. E o crescimento será ainda maior na América Latina.

Segundo o estudo, a velocidade de interconexão global terá taxa de crescimento médio anual (CAGR) de 45% e deverá alcançar 4.991 Tbps até 2020, superando o crescimento previsto pela Cisco no VNI para o tráfego global IP (taxa de 24%). O volume também será maior, uma vez que a Internet comum terá 855 Tbps no mesmo período. A Equinix afirma que o crescimento em interconexão seria mais alto também do que o do tráfego MPLS, previsto a 4%.

Tráfego na América Latina

Na América Latina, a taxa de crescimento previsto nos quatro anos é a maior de todas as regiões: de 62%. Assim, a região sairá dos atuais 92 Tbps para uma capacidade instalada de 626 Tbps, ou 13% do total global. A pesquisa considerou dados de São Paulo, Rio de Janeiro, Cidade do México e Buenos Aires.

Para efeito de comparação, as regiões dos Estados Unidos terão taxa de 40%, União Europeia será de 44% e Ásia-Pacífico terá 62%. Por outro lado, a capacidade de tráfego será quase três vezes maior nos EUA (1.795 Tbps), mais do que duas vezes na UE (1.451 Tbps) e pouco menos de duas vezes na Ásia (1.120 Tbps).

O estudo prevê ainda que as telecomunicações tenham CAGR de 27%, totalizando 826 Tbps no período. Atualmente, a capacidade instalada de interconexão do setor é de 319 Tbps.

No caso de uso, os provedores de rede corporativa serão responsáveis por 1.986 Tbps de capacidade, um CAGR de 52%. Como provedores de serviços de rede, o aumento médio anual será de 28%, totalizando 1.459 Tbps. 

Fonte: Teletime