Assinantes de ISPs recuam 1,5% em junho por falta de notificação, diz Anatel

Mais de 500 provedores deixaram de informar os números de consumidores

O número de assinantes da banda larga fixa atendidos pelos ISPs recuou 1,5% em junho, na comparação com o mês anterior. Porém, de acordo com a Anatel, das 5,5 mil empresas que se enquadram na classificação de Prestadoras de Pequeno Porte, 506 não enviaram os números, o que pode ter contribuído para a variação negativa. Das grandes prestadoras, a Claro foi a única que cresceu na variação mensal, mais 14,55 mil domicílios (+0,15%) e a Vivo e Oi menos 38,96 mil (-0,52%) e menos 36,49 mil (-0,63%).

O conjunto das PPPs, ofertou banda larga fixa a 8,21 milhões de domicílios (25,91%), que representa a segunda maior participação nesse mercado. A maior participação o em junho de 2019 foi registrada pela Claro com 9,53 milhões de domicílios (30,08% do total). A Vivo ficou com 7,39 milhões (23,31%)  de assinantes e a Oi, com 5,75 milhões (18,16%).

De acordo com os dados de junho deste ano, o conjunto das PPPs teve o maior crescimento da banda larga fixa em 12 meses, mais 1,55 milhão de domicílios (+23,28%). A Claro também registrou aumento de 364,27 mil (+3,97%) e a Vivo e Oi reduções de 198,52 mil (-2,62%) e de 483,96 mil (-7,09%), respectivamente.(Com assessoria de imprensa)

Fonte: PontoISP

A Outorga SCM Anatel é necessária para que sua empresa realize compartilhamento de infraestrutura com a concessionária de Energia. Você sabia?

Sua empresa já possui a Licença da Anatel?

Posts Anteriores

  • Senado aprova reforma na Lei de Telecomunicações

    Os números da banda larga fixa reunidos no relatório anual divulgado hoje, 25, pela Anatel, mostram mais que a expansão de mercado dos provedores regionais. Indicam que a o ritmo de ativação de redes de fibra óptica em novas cidades vem caindo ano a ano desde 2016. Naquele ano, 538 cidades receberam redes com fibra. Já em 2017, foram 226. E ano passado, mais 138 cidades se juntaram à lista das que são cobertas, ao menos em algum ponto, com alguma tecnologia óptica. Ao final de 2018 havia no país 3.589 cidades com redes de fibra, de um universo de 5.570 municípios.

  • Agências garantem apresentar ainda este ano nova proposta de regras para uso de postes

    Os números da banda larga fixa reunidos no relatório anual divulgado hoje, 25, pela Anatel, mostram mais que a expansão de mercado dos provedores regionais. Indicam que a o ritmo de ativação de redes de fibra óptica em novas cidades vem caindo ano a ano desde 2016. Naquele ano, 538 cidades receberam redes com fibra. Já em 2017, foram 226. E ano passado, mais 138 cidades se juntaram à lista das que são cobertas, ao menos em algum ponto, com alguma tecnologia óptica. Ao final de 2018 havia no país 3.589 cidades com redes de fibra, de um universo de 5.570 municípios.

  • Para STJ, venda de internet sem autorização da Anatel é serviço clandestino

    Os números da banda larga fixa reunidos no relatório anual divulgado hoje, 25, pela Anatel, mostram mais que a expansão de mercado dos provedores regionais. Indicam que a o ritmo de ativação de redes de fibra óptica em novas cidades vem caindo ano a ano desde 2016. Naquele ano, 538 cidades receberam redes com fibra. Já em 2017, foram 226. E ano passado, mais 138 cidades se juntaram à lista das que são cobertas, ao menos em algum ponto, com alguma tecnologia óptica. Ao final de 2018 havia no país 3.589 cidades com redes de fibra, de um universo de 5.570 municípios.

  • ISPs e distribuidoras de energia acirram enfrentamento sobre postes

    Os números da banda larga fixa reunidos no relatório anual divulgado hoje, 25, pela Anatel, mostram mais que a expansão de mercado dos provedores regionais. Indicam que a o ritmo de ativação de redes de fibra óptica em novas cidades vem caindo ano a ano desde 2016. Naquele ano, 538 cidades receberam redes com fibra. Já em 2017, foram 226. E ano passado, mais 138 cidades se juntaram à lista das que são cobertas, ao menos em algum ponto, com alguma tecnologia óptica. Ao final de 2018 havia no país 3.589 cidades com redes de fibra, de um universo de 5.570 municípios.

  • ISPs passam a Vivo e já são o 2º maior grupo de banda larga fixa no País

    Os números da banda larga fixa reunidos no relatório anual divulgado hoje, 25, pela Anatel, mostram mais que a expansão de mercado dos provedores regionais. Indicam que a o ritmo de ativação de redes de fibra óptica em novas cidades vem caindo ano a ano desde 2016. Naquele ano, 538 cidades receberam redes com fibra. Já em 2017, foram 226. E ano passado, mais 138 cidades se juntaram à lista das que são cobertas, ao menos em algum ponto, com alguma tecnologia óptica. Ao final de 2018 havia no país 3.589 cidades com redes de fibra, de um universo de 5.570 municípios.

2019-08-09T21:39:03+00:00