Casas brasileiras com FTTH já igualam as da Espanha, diz diretora da telefónica

Conforme a diretora financeira da Telefónica, Laura Abasolo, a empresa destina entre 80% a 70% de seu Capex para a infraestrutura.

Barcelona – Embora o grupo espanhol tenha iniciado com alguns anos de defasagem a levar  FTTH (fibra até a residência das pessoas) no mercado brasileiro em relação ao seu país-sede, atualmente o número de casas fibradas no Brasil já se iguala ao mercado espanhol, afirmou hoje, Laura Abasolo, chefe do Departamento Financeiro da Telefónica durante o MWC 2018.

Segundo a executiva, a Telefónica destina entre 80% a 70% de seus investimentos para a infraestrutura de telecomunicações de todas as empresas do grupo e 90 milhões de pessoas já têm fibras ópticas até suas residências no Brasil. Para Laura, as mudanças que estão ocorrendo no setor também fazem com que os prestadores de serviço busquem uma nova relação de negócios com os fabricantes. ” Não se trata mais de pressionar os fornecedores, mas decidir com eles qual é a estratégia, a velocidade, a flexibilidade”, disse.

Fonte:Tele.Sintese

Posts Anteriores

  • ANATEL PROPÕE LICENÇA ÚNICA DE TELECOM, MAS SERVIÇOS CONTINUAM DISTINTOS

    O conselho diretor da Anatel aprovou hoje, 20, consulta pública para modificação de dois importantes regulamentos, em uma reavaliação do modelo de outorgas e do licenciamento de estações de Comunicações. Conforme a proposta, que ficará em consulta pública por 45 dias, a intenção é simplificar os modelos de outorga e de licenciamento para facilitar a entrada de novos players no mercado.

  • INTERCONEXÃO VAI CRESCER O DOBRO DA INTERNET ATÉ 2021, DIZ ESTUDO | ANATEL

    A taxa de crescimento anual composta (CAGR) da interconexão privada, no período entre 2017 e 2021, deve alcançar 48%, o dobro da esperada para a expansão do tráfego IP no mundo, de 26%. Esses dados fazem parte do Global Interconnect Index volume 2, divulgado hoje, 18, pela Equinix mundialmente. O mesmo estudo indica que a América Latina deverá apresentar uma CAGR de 59%.

  • Receita Federal notifica mais de 700 mil empresas do Simples | ANATEL

    A Receita Federal notificou 716.948 empresas optantes do Simples nacional em débitos com a previdência e não previdenciários. Ao todo, essas pequenas e microempresas respondem por dívidas que totalizam R$ 19,5 bilhões.

  • Anatel quer flexibilizar regras para IoT

    A Anatel lançou hoje, 11, tomada de subsídios para a Internet das Coisas (IoT). “Queremos saber quais são as simplificações regulatórias que poderemos fazer para estimular a IoT no Brasil”, afirmou o superintendente de Planejamento da Anatel, Nilo Pasquali. Essa tomada de opinião – que é ainda um instrumento anterior à consulta pública – ficará aberta a receber contribuições até 12 de outubro.

  • Anatel propõe aumentar recursos do Fust para o BNDES administrar

    O anteprojeto de lei sugerido pela Anatel para mudanças na lei do Fust (Fundo de Universalização das Telecomunicações) junto com a proposta do novo Plano Estrutural de Redes de Telecomunicações (PERT), publicado aqui na íntegra pelo portal, busca viabilizar a aplicação dos recursos desse fundo, criado há 18 anos e nunca utilizado no setor, para a banda larga.

2018-09-21T20:09:48+00:00